Kindle: um dispositivo incrível de leitura

Hoje o papo é sobre tecnologia, vocês sabem que não é meu forte né?! Haha mas eu vou tentar e prometo dar o meu melhor! Faz uns dois anos já que eu tenho esse dispositivo incrível que a Amazon (uma loja digital com as melhores opções de leitura, com livros de todos os gêneros, digitais ou impressos) criou para os amantes de livros, o Kindle, que nada mais é do um dispositivo “tipo tablet” que você pode colocar ou baixar e-books e ler onde quiser.

O que eu mais gosto no Kindle é que com ele eu posso ler até no sol, em baixo de uma árvore porque a tela dele é branca e não pega claridade, é uma tecnologia chamada eletronic paper (papel eletrônico), também conhecida como tinta virtual. A tela busca imitar o papel dos livros convencionais, e traz um conforto maior para as leituras densas, diferentemente dos tablets, que foram criados para outros objetivos além da leitura, isso além é claro que eu posso levar todos os meus livros favoritos em um lugar só, sem precisar levar dois livros caso me canse de algum.

kindle-1

Além do Kindle existem outros dispositivos de leitura super legais também, que é o Kobo comercializado pela livraria Cultura e o Lev da Saraiva. Todos eles são muito bons, mas na minha opinião o Kindle é o mais rápido e o melhor além de ser um dos primeiros a serem lançados, mas também é uma questão de gosto né!

Existem várias gerações de cada um desses aparelhos, o que eu tenho é o Kindle Paperwhite que tem navegador de internet experimental e utiliza o Wii Fi. E eu sou apaixonada por ele sério haha, onde eu vou ele vai comigo, é o meu maior companheiro.

kindle-3

kindle-4

Dá pra personalizar tudo, o nome a maneira de exibição, exatamente como um celular mas melhor rs.

Eu sei que retirar um livro de uma prateleira, folheá-lo e sentir a textura das páginas geram um prazer praticamente insubstituível, eu mesma tenho vários livros aqui em casa e amo, mas hoje, as pessoas ligadas às novas tecnologias têm encontrado outras maneiras de fazer suas leituras e têm encontrado conforto nos livros digitais, os e-books. E isso está comprovado em pesquisas: no ano de 2015, pelo menos nos Estados Unidos, o faturamento de editoras em lojas online e vendas de e-books foi maior do que o de livrarias físicas, segundo levantamento divulgado pela BookStart. Em 2013, as vendas virtuais corresponderam a U$ 7,54 bilhões, enquanto a receita vinda do modo tradicional de se vender livros foi de U$ 7,12 bilhões¹. Ou seja, o mundo digital chegou para ficar, e isso não é novidade né!

Capas

Existem várias capas super legais pra Kindle, separei uma só porque é a que mais gosto rs, mas na internet tem muitas capas diferentes de Patchwork e de outros materiais sendo vendidos.

Esse modelo vende no site da The Grommet

kindle-2

Pra quem quer saber onde vende o Kindle é só entrar no site da Amazon e ver que tem vários modelos diferentes e uma super explicação de cada função do Kindle.

E se você assim como eu é apaixonado por livros têm que ter um desses, mas se não têm, os livros da Amazon também podem ser lidos do celular através do aplicativo deles. E não deixe de dar sua opinião hem, quero saber tudo!

Super beijos a todos

¹ Texto retirado do site ciadoebook.com.br / Referências de imagens: divulgação Amazon e Pinterest.com

Anúncios