Seguir a moda ou não?!

Você sabia que o jeito de se vestir pode até influenciar no processo de comunicação?

Isso mesmo! Talvez as pessoas nos julguem pelo que estamos usando antes mesmo de nos conhecer ou de saber o que realmente queremos transmitir. Isso acontece porque o jeito como nos vestimos diz muito de quem somos, nossos gostos e personalidade. Geralmente aquela pessoa que não gosta de decotes, nem shorts e usa roupas escuras, tem uma personalidade mais recatada e tímida. É claro que isso não é regra, mas em geral é por essa linha que as pessoas pensam.

Então vem a questão até que ponto deve–se seguir a moda? Isso é mesmo tão importante assim? O que será que as pessoas vão pensar de mim se eu estiver usando algo de outra estação ou algo que não é adequado para aquela determinada situação? Essa são apenas algumas das perguntas que inconscientemente nos perguntamos e que ao final é mesmo o que todo mundo pensa.

A questão é que a moda realmente tem uma importância significativa na nossa vida. E isso não significa que você tem que segui-la a risca, isso apenas significa que você tem que estar bem com sigo mesmo e tentar ao máximo usar roupas que mostrem quem você é. Sem tentar esconder nada, mas ressaltar aquilo que você tem de bonito. Isso na minha opinião é o mais difícil,  porque você tem que simplificar a moda, trazê-la da passarela para a sua casa. Ou se você é estilista e trabalha em uma grande  empresa, trazê-la para o seu trabalho e usa-la de forma que as pessoas consigam se identificar.

itgirl2

Que a moda faz parte das nossa vidas isso é bem verdade, mas eu acho que devemos apenas nos perguntar: Essa roupa é adequada para esta ocasião? Quando eu estiver naquele lugar, com aquelas pessoas o que eu realmente quero mostrar? Questões como esta são importantes por exemplo quando vamos a uma entrevista de emprego ou saímos com o namorado novo. Se você não quer estar na moda o tempo todo, eu concordo com você porque ela muda muito, mas se preocupar com o que vestir em determinadas ocasiões é muito importante. Não tem como ser alienados de tudo, nós precisamos nos socializar, o ser humano é sociável, isso já é comprovado pela ciência, então apenas tente se sentir bem com que você é porque se você não gostar de quem é, provavelmente ou outros também não gostarão, não que isso importe tanto, mas é que ninguém é feliz sozinho!

Apenas pense nisso, seja feliz com sigo mesmo e use aquilo que se sinta bem, independente de estar na moda do ano ou não. Vista aquilo que é adequado para determinada ocasião e adequado ao seu corpo. Mostre quem você realmente é sem medo, porque o medo nos paralisa. E lembre sempre que a moda é as vezes muito subjetiva mas faz parte de nosso dia-a-dia gostando ou não, então tente apenas vivê-la da melhor forma que conseguir e se precisar de ajuda para aquela ocasião especial, sinta-se a vontade de perguntar.

Apenas sinta-se bem!

Carol Albareli

Anúncios